26 maio 2008

Tantas coisas que eu queria te dizer...

Amigos, os textos da Martha Medeiros são uma delícia, faz pouco tempo que tive contato com as obras dessa escritora, a primeira vez foi por spam – quem foi que disse que spam é totalmente lixo? - pois é, já não me lembro qual foi a primeira crônica, mas sei que a forma gostosa de escrever sobre o cotidiano me envolveu de tal jeito que agora estou aqui escrevendo como em “Tudo que eu queria te dizer”.

Aliás, acredito que todo mundo - principalmente as mulheres - já se utilizou dessa forma de expressão para um desabafo. Uma prática saudável, às vezes não é preciso nem enviar a carta, simplesmente o ato de escrever já basta para espantar os demônios da mente. Bem, pelo menos comigo sempre foi assim.

Voltando à Medeiros, nessa edição da Objetiva tem de tudo, carta do artista injustiçado, carta da amiga que não se reconhece mais na plástica mal feita, carta ao departamento pessoal mostrando que a empresa é dispensada, carta à mãe que não foi uma mãe como nos “conformes”, diversas cartas, diversas perplexidades que nos fazem sentir mais humanos.

Enfim, apenas mais uma dica para dividir com meus amigos blogueiros e leitores.

2 Comentários:

Anonymous beth disse...

Tô maníaca! Toda foto que olha faço a ponte com pintura. Acho que descobri o teor das minhas cartas. Complementos de mim são os meus 'pictore' aliados à 'painting' do outro. O outro que há em mim. Hahaha... Boa leitura.

5:50 PM  
Blogger Ver@cidade disse...

Gosto da Martha. Recebo seus textos nos e-mails das amigas fãs. Aproveito aqui a dica do livro.

7:15 AM  

Postar um comentário

/* ----------------------------------------------- Blogger Template Style Name: Minima Ochre Designer: Douglas Bowman URL: www.stopdesign.com Date: 28 Feb 2004 ----------------------------------------------- */

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial