29 maio 2008

Scavone

28 maio 2008

Windows 7

Sucessor do Vista está previsto para 2010, o diferencial é o recurso multi-touch, aquele que já conhecemos no iPhone. Maravilha!



26 maio 2008

Tantas coisas que eu queria te dizer...

Amigos, os textos da Martha Medeiros são uma delícia, faz pouco tempo que tive contato com as obras dessa escritora, a primeira vez foi por spam – quem foi que disse que spam é totalmente lixo? - pois é, já não me lembro qual foi a primeira crônica, mas sei que a forma gostosa de escrever sobre o cotidiano me envolveu de tal jeito que agora estou aqui escrevendo como em “Tudo que eu queria te dizer”.

Aliás, acredito que todo mundo - principalmente as mulheres - já se utilizou dessa forma de expressão para um desabafo. Uma prática saudável, às vezes não é preciso nem enviar a carta, simplesmente o ato de escrever já basta para espantar os demônios da mente. Bem, pelo menos comigo sempre foi assim.

Voltando à Medeiros, nessa edição da Objetiva tem de tudo, carta do artista injustiçado, carta da amiga que não se reconhece mais na plástica mal feita, carta ao departamento pessoal mostrando que a empresa é dispensada, carta à mãe que não foi uma mãe como nos “conformes”, diversas cartas, diversas perplexidades que nos fazem sentir mais humanos.

Enfim, apenas mais uma dica para dividir com meus amigos blogueiros e leitores.

14 maio 2008

Sleeve Face

Tanta humildade diante de mulher tão brava!

Sleeve Face, ou seja, cara de capa. Brincadeira que já rola na internet há um bom tempo.
Também fiz as minhas, rs.

13 maio 2008

Voicst "Feel Like A Rocket"

Sabe aquele orgulho que a gente sente quando viu crescer? Então, vi a Birdo crescer e tive a oportunidade de trabalhar com eles. Agora vejo esse clip maravilhoso e me encho de felicidade, ainda mais sabendo que a Bruna Brito fez parte. Parabéns a todos, a animação ficou maravilhosa!

09 maio 2008

Mãe


Fernando Pessoa
Poesias Inéditas
O Amor

O amor, quando se revela,
Não se sabe revelar.
Sabe bem olhar p'ra ela,
Mas não lhe sabe falar.

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há de dizer.
Fala: parece que mente
Cala: parece esquecer

Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar,
E se um olhar lhe bastasse
Pra saber que a estão a amar!
Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala,
Fica só, inteiramente!

Mas se isto puder contar-lhe
O que não lhe ouso contar,
Já não terei que falar-lhe
Porque lhe estou a falar...

Mais uma imagem resgatada a me tocar profundamente numa data comemorativa: minha mãe há 78 anos atrás.

05 maio 2008

Pierrot



Cancioneiro
Fernando Pessoa

Pierrot Bêbado

Nas ruas da feira,
Da feira deserta,
Só a lua cheia
Branqueia e clareia
As ruas da feira
Na noite entreaberta.

Só a lua alva
Branqueia e clareia
A paisagem calva
De abandono e alva
Alegria alheia.

Bêbada branqueia
Como pela areia
Nas ruas da feira,
Da feira deserta,
Na noite já cheia
De sombra entreaberta.

A lua branqueia
Nas ruas da feira
Deserta e incerta...

Apenas uma pequena homenagem à foto de 82 anos atrás. Tocou-me profundamente esse pierrot órfão, meu pai.

01 maio 2008

Cassandra - deusa profetisa amaldiçoada

Estamos atônitos com as últimas notícias, buscamos desesperadamente por mais ética - sem dogmatismos e sem maniqueísmos - mas conseguiremos ou nos perderemos num mundo a-ético?

Três filmes maravilhosos de Woody Allen nos levam à reflexão sobre os caminhos questionáveis da ética subjetiva:

1989 - Crimes e Pecados (Crimes and Misdemeanors)

2005 - Ponto Final- Match point (Match point)

2007 - O Sonho de Cassandra (Cassandra's dream)

"Mais do que em qualquer outra época, a humanidade está numa encruzilhada. Um caminho leva ao desespero absoluto. O outro, à total extinção. Vamos rezar para que tenhamos a sabedoria de saber escolher." Woody Allen